Eduvem

Aprendizagem corporativa

Conheça cinco inovações na aprendizagem corporativa

A aprendizagem corporativa é uma ferramenta de grande relevância para as organizações, uma vez que viabiliza o aprimoramento dos colaboradores. A tecnologia desempenha um papel fundamental na melhoria desse contexto, ao fornecer recursos que auxiliam na otimização desse procedimento.

Conheça cinco inovações na aprendizagem corporativa

Com o auxílio da tecnologia, torna-se viável desenvolver estratégias mais eficientes e dinâmicas, com o intuito de potencializar o envolvimento dos colaboradores. Nesse sentido, uma otimização dos resultados proporcionará uma série de benefícios para uma empresa.

Considerando essa perspectiva, apresentamos cinco inovações no campo da aprendizagem corporativa que podem ser inovadoras na organização empresarial em questão. Por favor, revise nossas sugestões.

  1. Microlearning

Microlearning é uma abordagem pedagógica que envolve a entrega de pequenas unidades de conteúdo educacional aos alunos.

O microlearning é uma estratégia amplamente utilizada no contexto da aprendizagem corporativa. Neste método, são usados materiais de curta duração, tais como vídeos de curta duração e textos concisos.

O conceito é que o colaborador se desenvolva gradativamente, de acordo com os materiais fornecidos. Nesse sentido, o indivíduo adquire um período adicional para ponderar e internalizar o material apresentado durante os programas de treinamento e cursos.

  1. O Conceito de E-Learning

O ambiente digital é uma parte integrante do dia a dia das pessoas. Consequentemente, é importante adquirir habilidades na sua aplicação para melhorar o aprimoramento dos indivíduos que integram uma estrutura profissional da instituição. O e-Learning é uma abordagem que emprega uma plataforma digital para transmissão e disponibilização de conteúdo aos colaboradores.

Os profissionais possuem acesso à plataforma digital que concentra os cursos e treinamentos disponíveis. Esta estratégia fornece flexibilidade e envolvimento, uma vez que os funcionários podem acessar o conteúdo a qualquer momento e em qualquer lugar, desde que estejam conectados à Internet.

A Eduvem é a melhor plataforma para construção de Universidades Corporativas com uma experiência inovadora em aprendizagem e eventos digitais, somos uma excelente opção para instituições educacionais, empresas e instrutores independentes. Agende uma demonstração preenchendo o formulário abaixo:

  1. Gamificação

A gamificação oferece recursos intrigantes para explorar neste contexto. O objetivo principal deste método é aumentar o envolvimento dos colaboradores com iniciativas de formação e desenvolvimento através do emprego de mecanismos de gamificação.

Através da implementação desse método, o processo adquire características de entretenimento, facilidade e apelo. No entanto, não deixa de cumprir as expectativas em termos de resultados. O uso eficaz do método pode ser distribuído na esfera digital, onde é possível empregá-lo por meio de estratégias como jogos, tarefas e desafios que exigem a participação ativa dos profissionais.

  1. Customização da aprendizagem corporativa

Esta inovação é fundamentada na abordagem individualizada com cada membro da equipe da organização. Dessa maneira, o conteúdo é transmitido de maneira objetiva ao profissional, levando em consideração seus objetivos e necessidades de aprendizagem específicas.

Nesse contexto, o indivíduo é capaz de adquirir conhecimento em um ritmo independente, sem estar sujeito ao progresso de demais colegas. Isto contribui para o desenvolvimento das competências necessárias à execução das suas atividades.

5. Educação híbrida

A educação híbrida, também conhecida como blended learning, tem como objetivo promover a aprendizagem por meio da combinação de técnicas de ensino a distância com atividades presenciais, tais como palestras e atividades. Essa abordagem proporciona conveniência e adaptabilidade ao processo de treinamento.

Nesse sentido, uma organização é capaz de maximizar a eficiência no uso do tempo e dos recursos destinados ao treinamento, ao mesmo tempo em que promove uma interação e uma integração entre os membros de uma equipe, por meio da troca de conhecimentos e experiências.

Neste artigo, apresentamos algumas inovações no campo da aprendizagem corporativa que podem ser inovadoras no contexto organizacional. Para implementar essas estratégias, é necessário realizar uma análise das necessidades do empreendimento e compreender qual método será mais eficaz de acordo com a situação atual. Além disso, é imprescindível monitorar os resultados e avaliar a evolução dos profissionais.

Aprendizagem corporativa: avanços tecnológicos e sociais

Como as empresas alinhadas aos avanços tecnológicos e às mudanças sociais são mais eficazes na formação de seus colaboradores? Iremos explicar como a aprendizagem corporativa está tomando o mercado e evoluindo as tendências.

Aprendizagem corporativa: avanços tecnológicos e sociais

Empresas de todos os tamanhos, desde start-ups até empresas Fortune 500, utilizam diversas técnicas de treinamento para melhorar as capacidades de cada funcionário e difundir a cultura organizacional da empresa. Mas como o uso de ferramentas de Aprendizagem e Desenvolvimento (T&D) dentro das corporações pode ser eficaz e alinhado a uma realidade em constante mudança?

A chave para esta resposta é a modernização, que inclui uma análise mais detalhada das ferramentas e práticas atuais. A utilização de testes e análises de desempenho é um recurso que muitos colaboradores não gostam, causando ansiedade e sendo contraproducente.

As aulas teóricas deverão ser substituídas pela experiência, com a criação de produtos reais para avaliação e revisão, promovendo a autoaprendizagem e a reflexão. A autonomia ou empoderamento aliada à comunicação moderna possibilita novas formas de aprendizagem através da utilização de recursos disponíveis como a Web 3.0, com plataformas de aprendizagem que oferecem suporte flexível e customizável, e com o uso de mídias sociais integradas que contribuem para a resolução colaborativa de problemas.

Como essa mudança deve ser implementada?

É necessário transformar o treinamento e desenvolvimento tradicional em desempenho e desenvolvimento, onde o desempenho atual é acompanhado de melhoria contínua.

Para efetuar esta mudança, Clark Quinn, especialista em aprendizagem organizacional, recomenda avaliar os seguintes elementos estratégicos:

Cultura – Dar autonomia aos colaboradores.

Educação formal – As estratégias de aprendizagem devem estar alinhadas às exigências organizacionais e avaliadas de acordo com os resultados da empresa.

Desempenho – O atendimento deve estar alinhado às necessidades e conhecimentos dos colaboradores.

Social – Incentivar o acesso às redes sociais e dispositivos móveis; não o limite.

Infraestrutura- Distribuir materiais didáticos por meio de dispositivos e redes móveis.

Métrica- Mede o nível de aprendizagem dos colaboradores, incluindo a aprendizagem informal.

Avaliação formal – Avalia a satisfação do cliente, as preferências dos funcionários e o impacto nos negócios.

A tecnologia, por si só, não é o objetivo final deste processo; pelo contrário, deveria ser o meio pelo qual a aprendizagem corporativa é modernizada, ligando-se às iniciativas de líderes tanto fora como dentro da área de Desempenho e Desenvolvimento. Para que isto aconteça, devem ser definidos objectivos específicos, devem ser fornecidas ferramentas adequadas, devem estar disponíveis redes e sistemas sociais eficazes e devem ser implementadas estratégias de aprendizagem activas.

Nesta base, é possível melhorar as capacidades dos colaboradores, avaliar o seu desempenho, identificar as suas necessidades e desenvolver soluções à medida.

A Eduvem é a melhor plataforma para construção de Universidades Corporativas com uma experiência inovadora em aprendizagem e eventos digitais, somos uma excelente opção para instituições educacionais, empresas e instrutores independentes. Agende uma demonstração preenchendo o formulário abaixo:

Como criar um plano alinhado com a realidade da sua empresa?

O primeiro passo para completar esta tarefa é identificar os recursos disponíveis para este fim; isso permite definir prioridades e minimizar custos. No caso de novos investimentos, eles devem ser sempre direcionados para a melhoria do desempenho dos seus colaboradores e, consequentemente, do desempenho geral da empresa.

É necessário desenvolver medidas realistas de desempenho com base no prazo que cada uma delas exigirá, avaliando a taxa de erro, a capacidade de aprendizagem e a preferência por habilidades, e deixando espaço para futuras substituições e alterações no projeto (medidas necessárias para a adequação de atividades recentemente estabelecidas).

As atividades de desempenho e desenvolvimento devem fazer uso de ferramentas tecnológicas, como dispositivos e plataformas móveis, ao mesmo tempo em que empregam um modelo de aprendizagem interativo. Isso facilita o gerenciamento de conteúdo e a avaliação do aprendizado usando métricas avançadas de desempenho e extração de dados.

Aproximar a realidade da empresa dos progressos sociais (tanto tecnológicos quanto comportamentais) é o que situará as organizações no tempo presente, viabilizando as soluções futuras envolvidas na qualificação de seus colaboradores e na ampliação da eficiência de seus negócios, por meio da aprendizagem corporativa.

Scroll to top