EdTech

BS Innovation Hub inaugura estrutura física

O espaço fica localizado no BS Design, e possui 300 metros quadrados, com recepção, duas salas de reuniões, apoio de marketing e jurídico.

Nesta terça-feira (29) aconteceu a inauguração do BS Innovation Hub, com evento online e presencial, restrito a convidados. O espaço fica localizado no BS Design, e possui 300 metros quadrados, com recepção, duas salas de reuniões, apoio de marketing e jurídico, além de um salão com 20 assentos para mantenedores, sala de direção, espaço de descompressão e dez salas destinadas às startups.

À frente da gestão, os sócios Eduardo Hamdan, Marcus Vinícius Saraiva e Strauss Nasar se uniram fruto da iniciativa das empresas Gomes de Matos Consultoria, Cordel Ventures e BSPar Incorporações. O Edital do BS Innovation Hub, lançado em março, selecionou e já está acelerando 8 startups nesse 1º semestre de operação e a Eduvem foi uma das escolhidas para aceleração. O próximo edital de seleção será aberto em outubro.

O objetivo do BS Innovation Hub é fortalecer o ecossistema de inovação no Estado do Ceará e priorizar, inicialmente, oito segmentos de negócios, entre os quais foram contemplados no primeiro edital: marketing e vendas, construção civil, internet das coisas, saúde, educação, finanças e logística.

Segundo o sócio Eduardo Hamdan, o Ceará é muito fértil neste aspecto, e tem um grande potencial de crescimento e escala, contudo a mortalidade das empresas também é expressiva pela falta de incubação, aceleração, mentoria e incentivos.

“O Ceará está em 11º lugar em número de startups no Brasil e há 187 startups registradas, segundo a Associação Brasileira de Startups. A mais conhecida é a unicórnio Arco Educação. O potencial do Ceará é absurdo e precisa ser melhor explorado”, afirma.

BS Design será a sede do novo Hub de inovação para acelerar startups cearenses

O BS Innovation Hub divulgou a relação das startups selecionadas em seu primeiro edital de inovação. O Hub terá sede no BS Design e chega ao Estado com a meta de incubar e acelerar o desenvolvimento de novas empresas de tecnologia no Ceará. O novo Hub é uma iniciativa da Gomes de Matos Consultoria, Cordel Ventures e BSPAR Incorporações.

Eduardo Gomes de Matos e Beto Studart são sócios da iniciativa. Foto: Divulgação

Eduardo Gomes de Matos e Beto Studart são sócios da iniciativa. Foto: Divulgação

O escritório, de 300 metros quadrados, será instalado no BS Design, e tem como sócios Eduardo Handam, Marcus Vinícius Saraiva e Strauss Nasar. Serão aceleradas startups prioritariamente de oito verticais: retailtechs, martechs, healthtechs, fintechs, logtechs, IoT, edtechs e construtechs.

Segundo Marcus Vinícius, o programa de aceleração é realizado em um período de seis meses, com 16 encontros, que vão desde modelo de negócios, marketing, administrativo financeiro, gestão de pessoas e termina com a preparação de um kit para atrair investidores.

“O objetivo é fazer com que essas startups sejam preparadas no período de seis meses para ganhar tração, ou seja, vão poder vender para mais gente com a nossa metodologia de aceleração. Além disso, validar seu modelo de negócio com a conexão com os mantenedores, e no final vão buscar investimentos e ter seu crescimento exponencial”, destacou o sócio do BS Innovation Hub.

BS Design vai abrigar o escritório onde funcionará o BS Innovation Hub

A relação das selecionadas é a seguinte: Simple XR (TIC) – plataforma de comunicação XR (Facilita o desenvolvimento e escalabilidade de experiência em 3D e realidade aumentada); Sim bora (Logtech) – plataforma de Delivery (Simplifica a realização de serviços a domicílio), e Eduvem (Edtech) – plataforma de educação (Empresa de inovação que usa a tecnologia como conceito na maximização da experiência do usuário, desenvolvendo a usabilidade, acessibilidade e ergonomia com o objetivo de otimizar recursos e dar maior poder e abrangência a experiência de compartilhar conhecimento).

Também integram a relação: SPX pay (Fintech) – plataforma financeira (App que facilita e agiliza os pagamentos sem burocracia, sem taxa e com cashback para empresas e seus colaboradores). Quiz Ortopedia (Edtech) – plataforma educacional (Facilita o ensino em ortopedia para médicos residentes, através de resoluções de questões personalizadas, comentadas e atualizadas); Plix (Retailtech) – plataforma de loja virtual de rede social (Uma loja virtual completa para vender produtos e serviços através do instagram e whatsapp), e Invista (Retailtech) – plataforma de E-commerce (Entrega loja virtual para varejistas via site e aplicativo)

Brasileira está entre os 50 melhores professores do mundo

Débora Garofalo é professora na escola municipal Almirante Ary Parreiras, em São Paulo. Ela é uma das 50 melhores professoras do mundo e concorre ao prêmio principal.

Seu trabalho é incrível. Através do projeto Robótica com Sucata, ela leva seus alunos para as ruas do bairro – onde falta saneamento básico e coleta de lixo – e faz um trabalho de catalogação e coleta do lixo.

Mas o que isso tem a ver com robótica? Do lixo, a professora e seus alunos criam robôs e máquinas automatizadas. Isso mesmo, a professora alia consciência ambiental com tecnologia e extrai dos alunos habilidades que eles ainda não conheciam.

A professora Débora, aliás, será uma das palestrantes do EdTech Conference, maior evento sobre o futuro da educação já realizado no Brasil, que nos últimos 2 anos reuniu mais de 4 mil pessoas.

Segundo a professora, o projeto é multidisciplinar e tem um forte apelo social: “o projeto tem ajudado a pensar a escola que não só produza conhecimento, como também traga contribuições locais, gerando responsabilidade social nos alunos e na comunidade”.

Pelo projeto, a professora é uma dos 50 finalistas do Prêmio internacional Global Teacher, que reúne professores de 171 países que criaram métodos inovadores e criativos para lecionar.

O vencedor do prêmio recebe o título de Melhor Professor do Mundo. O resultado final sai em março, em Dubai.

Fonte: Startse

Scroll to top